CARREGANDO

Digite para buscar

Campanhas Produtoras PUBLICIDADE

Academia filma campanha da Y&R para MPF/SP sobre Lei do Minuto Seguinte

Share

A Lei do Minuto Seguinte (Lei 12.845/2013) – que dispõe sobre o atendimento obrigatório e integral de pessoas em situação de violência sexual – é tema nova e sensível campanha do MPF/SP, com criação da Y&R, produção da Academia de Filmes e direção de Thiago Eva e Roberta Cunha.

Intitulado “Estátua”, o filme registra a criação de uma estátua que homenagea as diversas vítimas de violência sexual. A obra das artistas Carolina Delleva, Michelle Souza e Vivian Grieco, em parceria com o metrô de São Paulo, esteve instalada na estação Vila Madalena.

O filme pode ser visto aqui.

Para a campanha, as artistas produziram o corpo de uma mulher utilizando a técnica taipa de pilão, pilando manualmente diferentes terras de diferentes cores e regiões do Brasil e acoplaram um tablet onde deveria estar a cabeça, que é onde as imagens de diversas mulheres foram expostas por um minuto cada.

“O processo de idealização e produção da escultura foi bem intenso e significativo nós. Somos três mulheres que depositaram na escultura a força e a fragilidade sentida na pele, imersas à causa do projeto. O projeto foi um mix de sensações: a lamentação pelo abuso à vida – recorrente no Brasil – e a celebração de uma lei que dá o direito ao apoio às vítimas.”, conta Michelle Souza.

Lei do Minuto Seguinte

O principal ponto da Lei do Minuto Seguinte é o de assegurar que os hospitais e unidades de saúde ofereçam às vítimas de violência sexual atendimento emergencial, integral e multidisciplinar gratuito. O atendimento imediato é fundamental. Isto porque existe um prazo dramático de 72 horas, dentro do qual a vítima deve receber tratamento medicamentoso profilático contra doenças sexualmente transmissíveis e gravidez.

A ideia do nome e o conceito da campanha remetem não só a essa urgência, mas também à projeção que o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) fez a partir das estatísticas de abuso sexual no país. Em 2016, 49,5 mil casos de estupro foram registrados no Brasil. Estima-se, no entanto, que esse número represente apenas 10% de todos os crimes desse tipo efetivamente cometidos, já que a maior parte das vítimas deixa de notificar as autoridades sobre as ocorrências. A partir destes dados, conclui-se que os casos de violência sexual no país possam chegar a 500 mil por ano, praticamente um a cada minuto.

Ficha Técnica

Produtora: Academia de Filmes

Direção: Thiago Eva/Roberta Cunha

Rodeiro: Thiago Eva/Gustavo Gessullo

Sócio: Paulo Schmidt/Marily Raphul

Diretor Executivo: Paulo Schmidt/Marily Raphul

Produtor Executivo: Duda Marujo

Coordenação de Produção: Michele Labiapari

Supervisão de Pós-produção Academia de Filmes

Pós-produção: Academia de Filmes

Direção de Arte: Frank C. de Oliveira Silva

Atendimento: Paula Saraiva

Edição: Helene Petrakis Stephanou

Animação: Pedro Gebara

Fotografia: Joao Carneiro JR.

Fotografia Adicional: Raul Carielo

Tratamento de Cor: Academia de Filmes

 

Tags:

Você também pode gostar de

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *